17

May 2008

Dos amuletos mágicos

Amuletos mágicos, de proteção, de cura, de maldição, de inspiração ou de qualquer intenção, não devem ser criados levianamente, eles são vivos, e devem ser gerados, moldados, educados, e devem morrer e ter seus funerais.
A vida deles é dada pelo feiticeiro, que oferece parte de si ou de um sacrifício. Ele deve ser educado, deve ser direcionado para seu objetivo: inspirar, curar, proteger, amaldiçoar, ou qualquer outro. Depois de cumprido seu destino ele deve morrer, sua energia volta de onde veio (o feiticeiro), é oferecida em sacrifício ou se perde.

4 comentários para “Dos amuletos mágicos”

  1. Linda diz:

    Articles like these put the consumer in the driver seat-very imttroanp.

  2. http://anysitelog.pw/elmogaz.com diz:

    mensagem de OSHO não deve ficar estagnada. Você não pode disponibilizar o que tem traduzido no dropbox ou no 4shared? Como eu consigo obter os vídeos traduzidos com você?Atenciosamente,luis[]

  3. should i buy generic cialis diz:

    hum ! ta semoule aux raisins me fait tres envie et ton jus a l'air tres appétissant, à part ca j'adore le coquelet et les mangues aussidonc ce plat me va tres bien !merci pour le partage !

  4. http://www./ diz:

    Stay with this guys, you’re helping a lot of people.

Responda

envie um e-mail

powered by WordPress

Post RSS | Comments RSS